10 livros de fantasia/sci-fi nacional – Parte 5

Continuamos a nossa série de postagens sobre livros de fantasia nacional com dez títulos que podem se tornar o seu próximo livro favorito.

Valorize a literatura fantástica nacional! Conhece algum livro que merece estar nessa lista? Envie a sua recomendação para a gente no email contato@rededeleitores.com.

A Noite Carmim, de M. B. Ferre

nac1

Ailis é uma menina de 20 anos que mora em uma ilha. Após ter seus poderes revelados em uma situação de perigo, ela vê sua casa cercada por aldeões. Sua vida tranquila, ao lado da mãe e do amigo Egan, nunca mais será a mesma. Agora a menina precisa saber quem é.

Ao usar uma moeda vinda de um sonho, Ailis começa uma jornada mais antiga que sua própria existência, através de portais, com grandes castelos e cristais misteriosos.

Magia, duelos, suspense, aventura e drama! Em uma narrativa rica e dinâmica, cheia de reviravoltas, “A noite carmim” apresenta um universo de fantasia, onde Ailis precisará de sua magia e a força do coração para sobreviver e salvar quem ela ama.

“M.B Ferre, como prefere assinar o escritor, que em seu livro de estreia, “A Noite Carmim” (Editora Itapuca), já mostra ser um talento promissor da literatura brasileira.” – O Globo

Os Lendários Heróis de Green Wood: Os Guardiões do Cálice de Fogo, de Alex Godoi

nac2

Em uma terra distante chamada Green Wood, quatro jovens aventureiros são vitimas dos ataques sofridos em seus vilarejos pelo general Latril e seu maldito exercito. Forjados na dor pela morte de seus familiares, com ajuda de três amigos, o destino os unirá e, fortalecidos pela amizade, buscarão o paradeiro do assassino para o acerto de contas.

Em meio a aventura, abordados inesperadamente pelo bardo Fenrir, os jovens serão levados a épica missão de retomar a fortaleza dos guardiões (o Santuário) da tirania do imperador das trevas. Os jovens aventureiros se encontrarão no meio de sete guardioes do cálice de fogo liderados na batalha pelo druida Guillian. A jornada os levará ao desconhecido, por terras repletas de elfos, anões, grifos, centauros, cães infernais, sereias, gnomos, homens-lagartos, polvos gigantes, feiticeiros, uma aventura de tirar o fôlego!

Conseguirão os guardioes reaver sua fortaleza e deter o mal que ameaça a paz em Green Wood? Os jovens aventureiros terão êxito em sua busca? Será feita justiça com o sangue inocente derramado? Nesta fantástica aventura, valores como amizade e fidelidade, e a contraposição entre o bem e o mal, a razão e o coração definirão o futuro dos reinos de Green Wood. Prepare-se para esta grande aventura!

“O livro representa mais uma ótima opção para quem deseja atrair novos leitores para a fantasia, e ter novas ideias para suas aventuras em cenários semelhantes (nos casos dos jogadores de RPG). Sendo assim, dentro de sua proposta, é um livro cheio de méritos e que tem um papel para cumprir em nosso mercado editorial.” – Baião de Letras

Johnny Bleas: Um Novo Mundo, de João Gabriel Brene

nac3

Órfão de pai e mãe, Johnny Bleas, tem uma vida confortável com seus tios, Os Case, em uma fazenda no interior do estado. Até que ao acordar certa manhã e depara-se com a horrível cena de assassinato dentro de sua própria casa, a sincronia da sua vida se desfez e seu mundo começa a girar em meio a inesperadas desventuras.

O triste som da morte abre as portas para algo que Johnny nunca poderia imaginar. Com o descuido de um passo em falso, ele é levado a uma nova dimensão, um novo mundo onde gnomos, castelos e piratas são apenas o começo. Um lugar mágico em que os enigmas do seu passado são revelados, onde o oculto que por tanto tempo dormiu, renasce e o assassino é descoberto em uma trama muito maior do que o esperado. Asterium, é o novo mundo, onde cada uma das peças do quebra cabeça se reconstitui, à medida que antigas peças se encaixam, novos mistérios nascem a partir de uma profecia que lhe defronta com o medo e a coragem de encarar um novo destino.

Depare-se com sua outra metade. Encontre seus verdadeiros dons em Johnny Bleas, uma incrível história de aventuras e fantasias, onde mistérios e feitiços são apenas o começo.

“Com uma habilidade notável, J. G. Brene criou um mundo fantástico, habitado por seres místicos e personagens cativantes.” – Um Bookaholic

As Crônicas de Elf Regnum: O Despertar da Fênix, de Marlon Souza

nac9

Uma fada lança uma profecia sobre o futuro de toda Elf Regnum. Sassas tem uma vida perfeita, e de um momento para outro toda sua inocência e esperança são perdidas. Em uma trama para usurpar o trono do rei, Eve se alia a ogros e reúne um grupo de elfos para marcharem até o Palácio Real, a fim de se tornar o novo Rei.

Natan é príncipe e único herdeiro de Elf Regnum. Porém, presenciando as grandes proporções que uma súbita batalha está tomando, é obrigado a fugir junto de sua mãe. Mas, a fase mais importante de sua vida chegou, a maioridade élfica, onde seus talentos de manipulação começam a aparecer.  Sendo perseguido por elfos e ogros, precisa lutar pela sua vida. Até que algo surpreendente acontece e ele recebe o poder para revidar.

Conheça Elf Regnum e a saga da Fênix, juntamente com o seu despertar.

“As Crônicas de Elf Regnum tem uma trama muito interessante e é bem construída… A leitura é muito agradável e estimulante, como toda boa fantasia.” – Só Mais Este Capítulo

O Herdeiro Sombrio, de Rodrigo Rosant

nac6

Em O herdeiro sombrio, seremos transportados a um universo onde quatro Clãs deverão se unir mais uma vez para confrontar as forças do Sombra, retomando uma batalha milenar que ficou perdida no tempo após o Último Confronto.

Os Clãs Elementares aguardam o dia em que a profecia se concretizará, quando as labaredas do vulcão de Flanária voltarão a cintilar e as Bestas Aladas renascerão. Elas dão aos seus Senhores – governantes de cada um dos Quatro Ventos – o poder de dominar os quatro elementos e assim equilibrar a ordem; eles acreditam que as escórias das Bestas Aladas voltarão a queimar, se lançadas no vulcão, e que das cinzas ao fogo renascerá a esperança por dias melhores.

Uma história que nos fará viajar por Tristan, Flanária, Acquária e Soprãno, desvendando suas crenças e nos apresentando criaturas jamais vistas.

“Rodrigo conseguiu criar um universo rico em detalhes e uma história tão bem construída que não tem como não amar.” – Terapia em Livro

A Ilha dos Elementos, de Paula Mello

nac7

No mundo de Orbis, cinco criaturas se dividem em seis reinos distintos. Dois desses reinos são de humanos. Os outros são dos Aswargs (de criaturas demoníacas e assustadoras), Hendris (que são seres metade anjo e metade humano), Baalihans (composto de criaturas metade demônio e metade humano) e por último, o Reino de magos chamado Mastair.

As lendas sobre como esses Reinos foram divididos e como essas criaturas vieram a existir são vastas, mas todos que as conhecem concordam que, os eles surgiram a partir de dois irmãos e apenas dois irmãos poderiam uni-los novamente.

No Reino de Mastair, campo mágico suspenso acima das montanhas, a princesa Kiera passará por grandes provações em seu florescimento, tendo que deixar seu lar e tudo que conhece, para se unir aos jovens da ilha dos elementos, onde iniciará seu treinamento até se tornar uma feiticeira completa. A jovem irá conhecer os segredos de seu povo, sua magia, seu amor e também o verdadeiro significado de sacrifício, cabendo a ela evitar com que uma grande guerra entre as criaturas volte a acontecer e que seu Reino amado não pereça.

“Uma fantasia diferente de tudo que já li! Com um enredo envolvente e a escrita fluida, Paula nos transporta para Mastair e nos deixa querendo saber qual nosso elemento e como Kiera vai lidar com os sacrifícios em prol do reino.” – Eu, você e um livro

Os Senhores do Tempo: Viajantes – O Despertar, de Paulo H. B. Lemos

nac12

Holland tem 16 anos e é obrigada a mudar-se para o Japão por conta de uma proposta de emprego que sua mãe recebeu das Indústrias Sotawa. No seu primeiro dia na escola nova, conhece três pessoas que irão mudar sua vida. Junko, uma garota que não se encaixa nos padrões das meninas de sua idade, vê em Holland a chance de ter uma amiga e descobre ter talentos para a bruxaria. Kaya, um garoto que a todo custo busca vingança pela morte dos pais e honra para o clã dos Caçadores do Tempo, que secretamente buscam o poder da Deusa do Tempo – liderados por Masashi Sotawa, avô de Kaya. E Seiji, um estudante do terceiro ano que é membro do clã conhecido como Viajantes do Tempo, que procura há séculos a Deusa do Tempo para protegê-la dos Caçadores. De algum modo, todos estão interligados, e não demoram a descobrir o porquê.

“…tudo isso ainda mergulhado em magia, mistérios, ação e batalhas. Se você gosta dos livros do tio Rick Riordan, com certeza vai se identificar com Senhores do Tempo também!” – Fadas Literárias

Crônicas da Lua Cheia: A Ascensão do Alfa, de Clecius Alexandre Duran

nac13

O lobisomem poderia ser mais que um mito? Esta é a questão que a série Crônicas da Lua Cheia tenta responder.

Província de São Pedro do Rio Grande do Sul. Década de 1830. Depois de escapar de um ataque de lobisomens, Sétimo é resgatado por um membro renegado de uma antiga ordem religiosa cuja missão é o extermínio da ameaça licantrópica. Perseguido pela alcateia, o jovem sobrevivente passa a viver em degredo voluntário para não colocar a amada na mira das criaturas bestiais. Sétimo se inicia nos segredos da ordem para arquitetar seu plano de vingança, enquanto que, no seio da alcateia, desenrola-se um perigoso jogo de poder. A vendeta do aprendiz de caçador e a disputa pela posição de alfa dar-se-ão em meio aos confrontos da Revolução Farroupilha.

“Se você busca por uma leitura Visceral, Tensa, Nua e Crua você tem que ler este livro! Deliciei-me com essa leitura fluída e foi impossível deixar o livro descansando. O desfecho é arrasador e surpreendente, fichei chocada e de queixo caído! Crônicas da Lua Cheia é um verdadeiro banho de sangue em nossas mãos. Mais um livro nacional que com certeza merece ser lido por você!” – Corredora Literária

O Medalhão Mágico: O Reino de Damantiham, de Mariana Lucera

nac11

O que era apenas uma viagem de férias para a mansão de uma tia solitária, em Londres, acaba por se desdobrar em uma grande aventura para Emily Dismorri. Investigando o desaparecimento de sua prima, Lindsay, que sumiu naquele local há anos, Emy se depara com um portal que a leva para Damantiham. Lá, a garota começa uma jornada que lhe trará descobertas impressionantes sobre o seu passado, ao mesmo tempo em que ela precisará se esforçar para garantir o seu futuro.

De posse da metade de um medalhão mágico, Emy faz amizades e se vê envolvida em uma disputa que há muito assola o reino, dominado pela poderosa e malévola feiticeira Amyla. Com a ajuda do mago Albergain, a garota e seus amigos Call, Hermes, Périgle, Mistice, Velkan e Sora darão início a uma batalha em busca da outra parte do objeto, na tentativa de restaurar o bem em Damantiham. No caminho, diversos imprevistos e reviravoltas aguardam por eles.

“Embarcamos no mundo mágico narrado por Lucera de tal maneira que quando saímos nos pegamos pensando se magia realmente não existe. Podemos até pensar se Lucera não pegou emprestado o pó mágico utilizado por J.K.Rowling quando esta escreveu o mundo de “Harry Potter”. – Tribooks

O Conto do Mundo Perdido, de Jefferson Andrade

nac10

Há muito tempo duas grandes raças surgiram, a dos gigantes de gelo e a dos deuses, cada uma tendo seus próprios poderes e seu líder, no caso dos gigantes Ymir e no caso dos deuses era Odin. O poder das duas raças se equiparava, e ambas eram dotadas da imortalidade, mas havia uma diferença muito grande entre elas: enquanto que os deuses visavam utilizar seus poderes para prosperar o mundo que habitavam, os gigantes tinham uma única meta em suas vidas, destruir tudo em seus caminhos…

Histórias da cosmologia do mundo surgem nas mais diversas religiões, todas encaradas como simples crendices de povos antigos. Mas e se não fosse assim tão simples? E se esses deuses e monstros antigos ainda pudessem existir, além de um mundo imaginário?

Nesta aventura, Willian Gregory, um jovem tenente do exército americano, se depara com um mundo mágico e extremamente perigoso, capaz de saltar aos olhos não só pelo fascínio, mas também pelo terror. Em uma incrível jornada dentro do mundo da mitologia nórdica, ele irá se defrontar com seres como elfos, anões e goblins, e carregará o fardo da sobrevivência de povos estranhos a ele, mas cujas quedas podem gerar consequências catastróficas em nosso mundo.

“Por fim, não posso finalizar a análise do livro sem resumir sua essência como muito divertida e instigante ao mesmo tempo. O enredo empurra a história pra frente à todo o momento e faz o leitor querer saber mais sobre o destino de Gregory, e daquele mundo fantástico.” – Baião de Letras

Deixe uma resposta