Biografia: John Green

green1

John Michael Green nasceu em 24 de agosto de 1977, filho de Mike e Sydney Green, em Indianapolis. Ele recebeu sua educação inicial na Lake Highland Preparatory School e Indian Springs School. Sua experiência no colégio foi similar a de muitos jovens socialmente excluídos que sofrem bullying nas mãos dos valentões. Por fim, se formou em Inglês e Estudos Religiosos na Kenyon College. Trabalhou como aprendiz de capelão em um hospital para crianças após se formar. Seu objetivo inicial era se tornar padre. No entanto, o tempo que passou entre crianças com doenças terminais o encorajou a se tornar um escritor. Depois disso, trabalhou como assistente editorial na Booklist, uma revista de resenhas literárias. Green escreveu inúmeras resenhas de ficção literária, a maioria de livros sobre gêmeos siameses ou a religião islâmica.

Enquanto trabalhava como crítico, ele também começou a escrever seu livro de estreia, Quem é Você, Alasca?, eventualmente publicada em 2005. É um romance “coming of age”* sobre um jovem chamado Miles. O livro é inspirado na sua época em Indian Springs. Diferente de outros autores de YA, Green ampliou o horizonte de temas tratados no gênero. Ele introduziu uma abordagem mais filosófica para os problemas na vida de um adolescente. O estilo e conteúdo pouco ortodoxo do livro conquistaram o Michael L. Printz Award da American Library Association em 2006. O livro bateu recordes ao permanecer na lista de mais vendidos do New York Times por sete anos seguidos.

green

Logo depois, Green publicou o segundo romance em 2006, intitulado O Teorema de Katherine. O livro foi outro sucesso editorial, ficando em segundo lugar no Printz Award e chegando na final do Los Angeles Times Book Prize. Seu próximo romance, Cidades de Papel, foi recebido com o mesmo entusiasmo de seus predecessores. Houve inclusive a proposta de uma adaptação cinematográfica, prontamente aceita por Green. No entanto, após perceber a relevância do livro e receoso de que o filme não conseguisse capturar essa essência, o autor desistiu do contrato. Além disso, graças ao sucesso de sua carreira literária, Green deixou o emprego como crítico na Booklist com a intenção de se tornar um escritor profissional.

Os anos seguintes trouxeram o maior sucesso de Green até aqui na forma de A Culpa é das Estrelas, o livro mais vendido de todo o ano de 2012. O romance conta a história de Hazel, uma adolescente portadora de câncer terminal no pulmão, que apenas aguarda a sua hora chegar. Diferente dos outros jovens, ela não tinha muitas ambições até conhecer Augustus, um rapaz que também já havia sofrido com um câncer. Uma reviravolta repentina leva os dois em uma viagem a Amsterdam e essa jornada muda as suas vidas. Green delineou o plot magistralmente, deixando claro desde o início que não haveria final feliz, mas sim esperança. Ele expandiu os limites de um romance YA ao tratar de assuntos mais maduros, abordando engenhosamente temas com luto, dor, morte, esquecimento, entre outros. Além disso, o uso abundante de alusões literária dão à obra um estilo mais sofisticado.green3

A Culpa é das Estrelas foi adaptado para o cinema em junho de 2014. O filme foi um sucesso estrondoso, colocando John Green entre os escritores mais bem-sucedidos da atualidade. Green também já publicou dois outros livros em parceria com outros autores. São eles: Will & Will, com David Levithan, e Deixe A Neve Cair, com Maureen Johnson e Lauren Myracle. Além de sua carreira literária, John, ao lado de seu irmão Hank, tem uma série de projetos no Youtube. O mais famoso dele é o canal (e blog) Vlogbrothers, que desde o início conta com um enorme fandom internacional conhecido como “Nerdfighters”.

Recentemente, Green publicou seu mais novo trabalho, Tartarugas Até Lá Embaixo. Foi o seu primeiro romance desde A Culpa é das Estrelas (2012). O livro conta a história de Aza Holmes, uma menina de 16 anos que sai em busca de um bilionário misteriosamente desaparecido – quem encontrá-lo receberá uma polpuda recompensa em dinheiro – enquanto tenta lidar com o próprio transtorno obsessivo-compulsivo (TOC). Como não poderia ser diferente em se tratando de um autor como John Green, a edição nacional da Intrínseca saiu de maneira simultânea à internacional.

Principais obras publicadas no Brasil:

Quem é Você, Alasca? (2005)

green5Miles Halter estava em busca de um Grande Talvez. Alasca Young queria descobrir como sair do labirinto. Suas vidas colidiram na Escola Culver Creek, e nada nunca mais foi o mesmo.

Miles Halter levava uma vidinha sem graça e sem muitas emoções (ou amizades) na Flórida. Ele tinha um gosto peculiar: memorizar as últimas palavras de grandes personalidades da história. Uma dessas personalidades, François Rabelais, um poeta do século XV, disse no leito de morte que ia “em busca de um Grande Talvez”. Para não ter que esperar a morte para encontrar seu Grande Talvez, Miles decide fazer as malas e partir. Ele vai para a Escola Culver Creek, um internato no ensolarado Alabama.

Lá, ele conhece Alasca Young. Ela tem em seu livro preferido, O general em seu labirinto , de Gabriel García Márquez, a pergunta para a qual busca incessantemente uma resposta: “Como vou sair desse labirinto?” Inteligente, engraçada, louca e incrivelmente sexy, Alasca vai arrastar Miles para seu labirinto e catapultá-lo sem misericórdia na direção do Grande Talvez. Miles se apaixona por Alasca, mesmo sem entendê-la, mesmo tentando sem sucesso decifrar o enigma de seus olhos verde-esmeralda.

O Teorema de Katherine (2006)

green7Se o assunto é relacionamento, o tipo de garota de Colin Singleton tem nome: Katherine. E, em se tratando de Colin e Katherines, o desfecho é sempre o mesmo: ele leva o fora. Já aconteceu muito. Dezenove vezes, para ser exato.

Após o mais recente e traumático pé na bunda, o Colin que só namora Katherines resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e o melhor amigo no carona, o ex-garoto prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar o fora, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, através da linguagem universal da matemática, o desfecho de qualquer relacionamento antes mesmo que as duas pessoas se conheçam.

Uma descoberta que vai entrar para a história, vai vingar séculos de injusta vantagem entre Terminantes e Terminados e, enfim, elevará Colin Singleton diretamente ao distinto posto de gênio da humanidade. Também, é claro, vai ajudá-lo a reconquistar sua garota. Ou, pelo menos, é isso o que ele espera.

Cidades de Papel (2008)

green6Quentin Jacobsen tem uma paixão platônica pela magnífica vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman. Até que em um cinco de maio que poderia ter sido outro dia qualquer, ela invade sua vida pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita.

Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola e então descobre que o paradeiro da sempre enigmática Margo é agora um mistério. No entanto, ele logo encontra pistas e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele achava que conhecia.

A Culpa é das Estrelas (2012)

green8Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.

Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar.

Tartarugas Até Lá Embaixo (2017)

green4Depois de seis anos, milhões de livros vendidos, dois filmes de sucesso e uma legião de fãs apaixonados ao redor do mundo, John Green, o autor do inesquecível A culpa é das estrelas, lança o mais pessoal de todos os seus livros: Tartarugas até lá embaixo.

A história acompanha a jornada de Aza Holmes, uma menina de 16 anos que sai em busca de um bilionário misteriosamente desaparecido – quem encontrá-lo receberá uma polpuda recompensa em dinheiro – enquanto tenta lidar com o próprio transtorno obsessivo-compulsivo (TOC).

Repleto de referências da vida do autor – entre elas, a tão marcada paixão pela cultura pop e o TOC, distúrbio mental que o afeta desde a infância –, Tartarugas até lá embaixo tem tudo o que fez de John Green um dos mais queridos autores contemporâneos. Um livro incrível, recheado de frases sublinháveis, que fala de amizades duradouras e reencontros inesperados, fan-fics de Star Wars e – por que não? – peculiares répteis neozelandeses.

Deixe a Neve Cair [com Maureen Johnson e Lauren Myracle] (2008)

green10Na noite de natal, uma inesperada tempestade de neve transforma uma pequena cidade num inusitado refúgio para insuspeitos encontros românticos. Em Deixe a neve cair, bem-sucedida parceria entre três autores de grande sucesso entre os jovens, John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle escrevem três hilários e encantadores contos de amor, com direito a surpreendentes armadilhas do destino e beijos de tirar o fôlego. Comédia romântica com a assinatura de um dos maiores bestsellers da atualidade, o livro é o presente de Natal perfeito para os fãs de John Green e de histórias de amor e aventura.

Will & Will [com Daniel Levithan] (2010)

green9Em uma noite fria, numa improvável esquina de Chicago, Will Grayson encontra… Will Grayson. Os dois adolescentes dividem o mesmo nome e a dor do coração partido. Um Will é amigo do mais expansivo gay de sua escola. O outro precisa explicar à própria mãe sua orientação sexual. Até que Tiny, o melhor amigo gay do primeiro Will, acaba se tornando o possível amor do outro Will. Apesar das origens completamente diferentes, esses inesperados encontros fazem com que os meninos de mesmo nome estejam prestes a embarcar juntos em uma aventura de épicas proporções. Amor adolescente, intriga, raiva, sofrimento e amizade. Tudo isso temperado com doses maciças de comédia.

 

Deixe uma resposta